ACIRS
Bom dia, hoje é dia 24/09 e são

Sala de Imprensa: Notícias 10/04/2018

Ampliar/Diminuir Texto Imprimir Notícia

Projetos da Defesa Civil de SC são apresentados em Rio do Sul

Cerca de 300 pessoas estiveram reunidas no Parque Universitário Unidavi para conhecer o conjunto de obras previsto para o Vale


Foto ACIRS

Quem mora no Vale do Itajaí sente de forma direta os reflexos das enxurradas, enchentes, inundações e deslizamentos. Mas mais do que saber o que fazer nessas ocorrências, é importante saber se soluções são possíveis e como fazer parte delas.

Ao longo dos últimos anos, várias alternativas foram levantas por diferentes grupos na comunidade, principalmente, com o foco em solucionar os problemas das enchentes. As dúvidas, todavia, só aumentaram. Com o objetivo de alinhar informações e dar publicidade aos projetos em desenvolvimento para o enfrentamento das enchentes no Vale do Itajaí, entidades de Rio do Sul convidaram a Defesa Civil de Santa Catarina para apresentar as propostas e quais os possíveis impactos. A reunião foi realizada nesta segunda-feira, 09.

O secretário de Defesa Civil, Rodrigo Moratelli, explicou questões técnicas das obras, falou sobre o processo de licenciamento ambiental, orçamento, captação de recursos, dificuldades e os reflexos das medidas para a região. Ponto a ponto, explicou de que forma muitas das medidas sugeridas pela própria comunidade já haviam sido avaliadas e descartadas na fase do Estudo de Viabilidade Técnica e Econômica, como o canal extravasor próximo ao aeroporto de Lontras.

O projeto da Defesa Civil é constituído de quatro etapas e o cronograma prevê que as intervenções sejam executadas até 2024. “Como interagem dentro da bacia hidrográfica não é possível fazer as obras sem que estejam uma atrela à outra. O seu benefício deve ser somado e não podemos tirar o problema de uma região e repassar para a outra”, explicou Moratelli.

O evento foi positivo na avaliação da União das Associações de Bairros, como destaca o presidente Marco Aurélio Demarch. “Tínhamos muitas dúvidas e o projeto ontem foi muito bem explicado e houve uma participação bem grande da comunidade. Agora há muito mais pessoas sabendo do que vai ser feito, muitos multiplicadores. Se possível vamos estar ajudando a aprovar esse projeto e buscando recursos para que seja executado”.

Moratelli aproveitou o evento para salientar que a prevenção e a mitigação de desastres passa pelo envolvimento e por atitudes de cada cidadão. Orientou que todos acompanhassem o trabalho da Defesa Civil e que efetuassem o cadastro para o recebimento de alertas por mensagens de texto (SMS). Ao ser questionado pelo secretário, grande parcela do público assumiu que sequer utiliza a ferramenta.

Durante toda a exposição, Moratelli também foi firme ao apontar ações que devem ser lideradas pela sociedade civil, compromissos que devem ser assumidos pelos municípios na gestão do uso do solo e no planejamento urbano e ações que precisam ser articuladas entre todos.

O objetivo é que novas reuniões e encontros sejam realizados para discutir o tema. “Penso que a grande diferença é que a população tem em mente um histórico de 1980, 90 ou 2000, que já não é mais válido para o modelo que existe hoje na Defesa Civil de Santa Catarina. Atualmente, existe uma secretaria com tecnologia, conhecimento, capacidade, com pessoas e processos muito diferentes. Na apresentação, essa amplitude de conhecimento, soluções e estudos feitos puderam ser vistos. Não são soluções simples, não é uma que vai amenizar, são várias, é a correlação entre elas, como foi explicado”, pontuou o diretor institucional da ACIRS, Eduardo Schroeder.


Confira mais fotos do evento: Clique aqui para abrir a galeria

Voltar


Balanço de ações sociais

quantos somos:
658
associados
Junte-se a Nós
Associe-se!
Endereço Rua XV de Novembro, 73
Térreo, Centro - 89160-033
RIO DO SUL / SC

Contato Telefone: (47) 3531-0500
E-Mail: acirs@acirs.com.br
Newsletter Fique por dentro de tudo
que acontece na ACIRS.

Todos os direitos reservados - ACIRS - 2014 - WLive!